Mais informações


Mais informações e artigos? Acesse: www.saulocoelho.com.vc


sábado, 25 de fevereiro de 2012

UM GRANDE PERIGO EM VENDAS: A doença do "INHO" e da "INHA".

Olá amigos!

Hoje vamos falar de uma calamidade que assola a mente de muitas pessoas que trabalham com vendas.

Vamos falar da Doença do "INHO" e da "INHA".

Já ouviu falar dessa doencINHA?

Pois bem, ela prejudica e destrói muitas vendas de nossas Equipes.



Muitas pessoas que trabalham com vendas (inclusive nossas(os) consultoras(es) e dirigentes) tem medo de oferecer  produtos. Dá para acreditar? Trabalham com vendas e não oferecem produtos, apenas se preocupam em TIRAR PEDIDOS.
Exatamente, apenas abrem o catálogo, mostram e perguntam: _O que vai querer hoje?

Amigos prestem atenção numa coisa, se nós não oferecermos e trabalharmos a venda ninguém vai comprar.


Embora seja óbvio que, quanto mais se oferece, mais se poderá vender e, desta forma, todos sairão ganhando, na prática não é isso que se verifica.

Alguns vendedores têm verdadeiro medo de oferecer, de parecerem inconvenientes, de passarem a impressão de que estão empurrando produtos e que são “fominhas” de venda, entre outros adjetivos menos nobres. 

Por isso mesmo, tentam evitar ao máximo este sentimento e, mesmo quando têm que oferecer, demonstram os sintomas da doença do "INHO" e da "INHA": oferecem tudo no diminutivo e com muita cautela.
Com medo de vender, dizem coisas do tipo: 

“Quer ver mais alguma coisinha?”; 
“Gostaria de dar uma olhadinha?”; 
“Quer mais um perfuminho?”; 
“Que tal uma maquiagenzinha?”... 

”Alguma coisINHA, por causa do meu medINHO de oferecer, de perder a vendINHA, ...”.

Amigos por favor, tenhamos CORAGEM, DETERMINAÇÃO, ORGULHO de vender Racco
O melhor cosmético do MUNDO é o nosso!
Este ORGULHO é transmitido para o cliente, que fica motivado e com status de usar Racco.

Por isso, a partir de hoje saiba que você nunca vai vender algo que não ofereceu!


Passe a seguir três conselhos básicos para lhe dar confiança em vendas:

·        Tenha produtos à mão para oferecer na hora (bolsa cheia)
·        Conheça bem os produtos que vai oferecer (estude e treine)
·        Saiba os preços dos produtos de cabeça, pega muito mal quando você fica consultando e procurando na Racco mania os preços dos produtos. Isso demonstra falta de preparo.



E lembre-se:

O mais importante não é o que as pessoas compram e sim se elas compram.

Sucesso e Prosperidade,
Saulo e Mônica Coelho
Coach Racco Cosméticos

11 comentários:

  1. Olha, realmente essa doença é muito grave. Mais graças a Deus ainda ñ me pegou rsrsrsrs porque eu penso GRANDE e p/isso estou aqui estudando com tuas dicas maravilhosas. Ainda tenho muito que aprender, principalmente a vender, sobre os produtos, valores... é que tenho apenas 3 meses de Racco mais tenho muito fome de saber mais e mais, mesmo porque já sou Dirigente, já tenho equipe e preciso ajudar as minhas filhas
    Abraços
    Obrigada p/tão MAGNÍFICAS INFORMAÇÕES.
    CARMEM BARROS

    ResponderExcluir
  2. Realmente, isso é verdade! Temos que conhecer e usar os produtos da empresa. Aí falaremos deles com maior confiança. Participar dos treinamentos é valioso, além de aumentar o conhecimento e trocar experiências. Adorei as informações de hj.
    Márcia Fernandes Dirigente Racco.

    ResponderExcluir
  3. ESSE BICHINHO PEGA MESMO.PARABENS POR ABORDAR ESSE TEMA.

    ResponderExcluir
  4. Quanto mais experiência você passa para nós, mais sucesso vamos ter.Obrigada pelas dicas e uma em especial que eu não fazia era saber o preço de cor pois como muda as promoções eu não achava tão importante,agora vou prestar atenção neste detale e ver o resultado.CÉLIA

    ResponderExcluir
  5. cada vez mais adoro!!!!seus ensinamento você e meu espelho de confiança na racco.Como minha amiga disse não gravava os preço por causa da promoção.mais agora vou repara essa doença.Em tudo devemos ter confiança ao fala para os cliente...na dessa doença de inho,inha na racco.

    ResponderExcluir
  6. Célia Maria Dal Piccolo25 de março de 2012 10:34

    Bom dia SAULO,
    Visito sempre seu blog ,leio e releio suas matérias como se fosse meu livro de cabeceira.Obrigada mais uma vez por nos orientar sempre.

    ResponderExcluir
  7. É ralmentequando cnhecemos o produto Racco nos apaixonamos e falamos dele pras pessoas com paixão consequentemente pssamos essa paixao pras pessoas e pessoas motivadas e apaixonadas compram mesmo!

    ResponderExcluir
  8. Admiro seu trabalho Saulo, hoje sou promotora da Racco,em formosa GO mais porque ouvi muito suas palestras e sempre aprendo muito, me emociono e sou sua fã!
    Obrigado por existi! Ass: marta freitas

    ResponderExcluir
  9. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  10. Aha! Não é mesmo que esta doenc"inha" pega e deixa o trabalho pesado e insatisfatório? Mas acho que quem vestiu a camisa da RACCO pode até ter isso inicialmente mas depois é mordido pelo bichin da motivação e corre feito louco..Mas isso depende da equipe, da convivência e também de ter metas, afinal encarar seriamente o trabalho é uma parte essencial e única sem isso fica aquele ranso de ser apenas "uma renda extra" que se vir maravilha se não vai como a banda toca....hehe assim nem semente de mamão cresce né? Pois pra crescer o pé de mamão é preciso comprar a fruta, ou pedir um pedacin, comer ou apenas tirar a semente e ao final jogar em terreno fértil...
    Bora então ver onde tem mamão ficar com muita vontade de comer e não jogar as sementes no lixo....o " terreno fértil" está onde menos espera... Olhar ao redor é que faz a "visão de sucesso" ampliar e até analisar melhor^^
    Quero conhecer mais pessoas da Família RACCO!
    Quem quiser e gostar de trocar ideias entra em contato:
    solempreendedora@gmail.com
    Abraços e muito plantio bom e de qualidade hehe^^

    ResponderExcluir
  11. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir

Olá! Obrigado por comentar em nosso blog. Caso queira manter contato coloque seu e-mail logo depois do comentário.